A amizade do Lobo com Cris vem crescendo. Um ano já passado e os bons feitos aparecendo. Então, aconteceu algo especial. Calmamente, parecendo um carneirinho, entrou numa posição crucial. Em padmāsana se encontrava o “lobo-cordeiro” quando teve uma ideia genial.  Permaneceu durante alguns minutos concentrado. O lobo venceu a rigidez do seu estado, em seu coração encheu-se de paz e sentiu o amor incontestável. Dessa forma afinado, encontrou o seu dom. Lembrou-se daquele som e, sem mais delongas, entoou o mantra
- OM...